quinta-feira, 19 de maio de 2011

Palavra e pedra solta não têm volta.
- Benito Pérez Galdós -